Histórias do Parque

Banca de revistas é ponto de encontro de crianças e famílias no Parque del Sol

Há dez anos, Sâmia de Paula Moreira e a mãe, Dona Marli, resolveram aceitar o convite da Porto Freire para levar a banca de revistas da família, antes sediada no cruzamento da Avenida Treze de Maio com a Rua Senador Pompeu, para o Parque del Sol. A aposta, ainda despretensiosa àquela época, faria a jovem empreendedora se instalar em definitivo na região. “Mudei por conta do parque, eu me encantei com isso aqui. É um sonho, né?”, constata Sâmia.

A banca de revistas de Sâmia e Dona Marli, hoje afastada do negócio para cuidar da mãe, é ponto de encontro certo das crianças da vizinhança. “É a criançada que traz os pais para a praça”, reforça Sâmia. Sorvete, picolé, bombom, livros infantis, revistas em quadrinhos e álbuns para colecionar figurinhas lideram os pedidos dos pequenos.

Por conta dessa peculiaridade do público-alvo, o empreendimento, ao contrário das bancas de revistas tradicionais, só abre as portas às 16h e fecha às 22h – todos os dias da semana. “A banca não vende jornal, porque à noite já é notícia passada”, lembra Sâmia. “Ainda mais com a internet”, completa a empreendedora, que trabalha ao lado da amiga e funcionária Mayara para acompanhar as “modinhas” voltadas ao público infantil.

Ao longo da última década, Sâmia reconhece que acaba criando vínculos com os clientes que frequentam diariamente a banca. Ao longo dos anos, ela passa a reconhecer adolescentes em crianças de outrora. “Mas eles continuam sendo clientes mesmo quando se tornam adolescentes”, relata.

Ponto certo dos entusiastas da atividade física, a banca de revistas também é parada frequente dos que procuram por água de coco no fim de tarde e início de noite. O coco é vendido a R$ 3 no Parque Del Sol. Pais e mães que frequentam a praça podem comprar sorvete e picolé para os filhos por preços a partir de R$ 2. Os clientes – de todas as idades – serão recepcionados por uma mesa à sombra e a simpatia de Sâmia e Mayara.

Histórias relacionadas